quarta-feira, 30 de janeiro de 2013



É proibido chorar sem aprender,
Levantar-se um dia sem saber o que fazer
Ter medo de suas lembranças.

É proibido não rir dos problemas
Não lutar pelo que se quer,
Abandonar tudo por medo,

Não transformar sonhos em realidade.
É proibido não demonstrar amor
Fazer com que alguém pague por tuas dúvidas e mau-humor.
É proibido deixar os amigos

Não tentar compreender o que viveram juntos
Chamá-los somente quando necessita deles.
É proibido não ser você mesmo diante das pessoas,
Fingir que elas não te importam,

Ser gentil só para que se lembrem de você,
Esquecer aqueles que gostam de você.
É proibido não fazer as coisas por si mesmo,
Não crer em Deus e fazer seu destino,

Ter medo da vida e de seus compromissos,
Não viver cada dia como se fosse um último suspiro.
É proibido sentir saudades de alguém sem se alegrar,

Esquecer seus olhos, seu sorriso, só porque seus caminhos se
desencontraram,
Esquecer seu passado e pagá-lo com seu presente.
É proibido não tentar compreender as pessoas,
Pensar que as vidas deles valem mais que a sua,

Não saber que cada um tem seu caminho e sua sorte.
É proibido não criar sua história,
Deixar de dar graças a Deus por sua vida,

Não ter um momento para quem necessita de você,
Não compreender que o que a vida te dá, também te tira.
É proibido não buscar a felicidade,

Não viver sua vida com uma atitude positiva,
Não pensar que podemos ser melhores,
Não sentir que sem você este mundo não seria igual.

Pablo Neruda

MUITA LUZ!

Imagem retirada de pesquisa na net, desconheço o autor.

10 comentários:

  1. Hola Ana María,todo aquello que no haga daño a los demás y nos haga felices a nosotro,no está prohibído.

    Un fuerte abrazo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gracias Fantasia Y Realidad.
      Beijinhos de Luz!
      Ana Maria

      Eliminar
  2. Este é o meu poema preferido de Pablo Neruda. Adoro!
    Beijinhos, mana.
    Lita

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também o achei lindo Mana.
      Beijinhos de lavanda.
      Ana Maria

      Eliminar
  3. Que lindo poema. Faz muito bem para a alma lê-lo.
    Maravilhoso.
    Amiga querida um maravilhoso domingo a você e os seus.
    Beijinhos. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Verinha, desejos também de um Iluminado Domingo para você e sua família.
      Beijinhos de Luz!
      Ana Maria

      Eliminar
  4. É proíbido passar pela vida transparente...

    Saudades amada.
    Beijinhos de alecrim do mato.
    Lua

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo Lua, saudades do tamanho do mundo amiga, adoro você!
      Beijinhos de tutifruti!
      Ana Maria

      Eliminar

Obrigado, o seu comentario estará visível após aprovação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...