sábado, 31 de março de 2012


                                                     
Age através da não-acção.
Trabalha através do não-esforço.
Saboreia através do não-sabor.

Tornar grande o pequeno,
Aumentar o pouco.
Assim, se responde à maldade com virtude.

Fazer o difícil através do que nele é fácil.
Fazer o grandioso através do que nele é menor.

Os assuntos mais difíceis do mundo
Começam por ser fáceis.
Os grandes assuntos do mundo
Começam sempre por ser pequenos.

Deste modo,
O sábio nunca busca a grandeza
E, assim, ele chega à grandeza.

As promessas insensatas
Inspiram pouca confiança.
Quando tudo é demasiado fácil,
Está-se a convidar a dificuldade.

Assim, o sábio aceita tudo como difícil,
Para que, depois, não tenha dificuldades.

     Lao Tzu

MUITA LUZ!

Fontes: Texto de Lao Tzu – “Tao Te Ching” Imagen retirada da página de “Espitit Book” de Rejane Peixoto Silva, penso ser da sua autoria, se não for agradeço que me informem para que possa dar os devidos créditos. Obrigada.

sexta-feira, 30 de março de 2012

RECICLAGEM, CROCHET E O MEIO AMBIENTE AGRADECE!

Hoje Lisboa acordou molhada, mas ainda bem que chove, porque a seca que assola Portugal tem sido preocupante, se bem que não é esperada muita precipitação, mas mesmo assim é sempre bem vinda. Uma nuvem de poeiras vinda do deserto (Norte de África), está a afectar todo o território nacional, se bem que não seja nenhuma novidade, pois todos os anos ocorre este fenómeno, este ano está a prolongar-se por mais tempo do que aquilo que é habitual, geralmente dura 2 a 3 dias. Este ano está a durar bem mais, este fenómeno aliado aos elevados níveis de pólen que pairam no ar, originam uma "chuva suja" que tem deixado marcas bem visíveis nos carros e em todo os sítios onde caiu.
Mas como aqui no Hemisfério Norte a Primavera já começou, e o clima de Primavera independentemente da chuva paira no ar, deixo-vos aqui com estas fotos maravilhosas que me enviaram do blog da DMC em França. En Quete de Fil.



 Não são o máximo? Adorei as ideias de reciclar materiais para plantar flores e super originais.
Mas a minha foto preferida é a que vou colocar a seguir.
Espectáculo, AMEI aproveitar o crochet como vasos para as nossas flores, que ternura e que efeito visual lindíssimo, vocês não acharam? Eu vou fazer em crochet a malinha com a cara do porquinho para colocar na minha varanda com uns malmequeres, achei linda tinha de ser, depois mostro como ficou.
Para quem ainda não conhece o blog da DMC clique no link e visite, vai adorar!
http://blog.dmc.fr/2012/03/27/plantations-originales/

MUITA LUZ!

Fonte: Todas as imagens foram retiradas do blog En Quete de Fil da DMC em França.
http://blog.dmc.fr/concours-paques-2012/

quinta-feira, 29 de março de 2012

AJUDEM A SALVAR OS RINOCERONTES!

Faço aqui um apelo a todos os meus amigos e a quem visitar o meu blog:


Os rinocerontes estão prestes a ser extintos por causa da caça predatória e podem desaparecer para sempre a menos que façamos algo agora. Novas estatísticas chocantes mostram que 440 rinocerontes foram brutalmente mortos no ano passado somente na África do Sul – um aumento explosivo em comparação a cinco anos atrás, quando apenas 13 rinocerontes tiveram seus chifres decepados. As nações europeias podem conduzir o mundo a um novo plano para salvar essas criaturas incríveis, mas primeiro eles precisam nos ouvir! Por trás dessa devastação está um aumento enorme na procura de chifres de rinocerontes, utilizados por charlatões com pacientes de câncer, remédios falsos para ressaca e como amuletos na China e no Vietname. Protestos na África do Sul foram ignorados até agora pelas autoridades, mas a Europa tem o poder de mudar isso, exigindo a proibição total do comércio de chifres de rinocerontes  – de qualquer lugar, para qualquer lugar – quando os países se reunirem no próximo encontro internacional decisivo em Julho. A situação é tão terrível que a ameaça chegou até mesmo aos zoológicos britânicos que estão sob alerta vermelho por conta dos gangues assassinos de rinocerontes!
Vamos criar um protesto gigante e exigir que a Europa pressione por novas medidas de proteção para impedir que os rinocerontes sejam extintos. Quando chegarmos a 100.000 assinaturas, o nosso apelo será entregue em Bruxelas, o coração da tomada de decisão da Europa, com uma manada de rinocerontes de papelão. Pois a cada 50.000 assinaturas colocaremos um rinoceronte de papelão – levando o tamanho do nosso movimento até a porta dos delegados da UNIÃO EUROPEIA, enquanto eles se posicionam. Clique no link abaixo e Assine a Petição:

Um rinoceronte foi morto por dia na África do Sul desde janeiro deste ano, onde vivem 80% dos rinocerontes remanescentes do mundo. Os chifres agora têm um valor de mercado de mais de US$ 65.000 por quilo – mais caro do que ouro ou platina. O ministro sul-africano do Meio Ambiente comprometeu-se a tomar medidas, colocando 150 guardas extras e até uma cerca elctrica ao longo da fronteira com Moçambique para tentar conter os ataques. Mas a escala da ameaça é tão grave que uma ação global é necessária. Nas próximas semanas, a UE definirá sua agenda para o grande encontro mundial que acontece dentro de poucos meses. Será a nossa melhor chance de virar a maré contra essa matança. Sabemos que os rinocerontes estarão na sua agenda, mas apenas com a nossa pressão podemos garantir que eles discutam o problema em toda a sua essência. Vamos criar um protesto gigante meus amigos e fazer uma ação de forma espetacular. Não se esqueça Assine a Petição e juntos poderemos impedir o abate de rinocerontes em toda a África.

Em 2010, as ações da Avaaz ajudaram a impedir a explosão do comércio de marfim de elefante. Em 2012, podemos fazer o mesmo pelos rinocerontes. Quando agimos juntos, podemos mudar o mundo – o ano passado foi o pior ano de todos para o rinoceronte, mas este pode ser o ano em que nós ganharemos esta causa.
Com esperança, 
Iain, Sam, Maria Paz, Emma, Ricken e toda a equipe da Avaaz.
Visite o site da Avaaz em: http://www.avaaz.org

Agradeço desde já a todos quantos assinarem esta petição para ajudar a salvar os rinocerontes da extinção.

MUITA LUZ!

SELINHO MARAVILHOSO!!!

Olá, maravilha este selinho que eu trouxe do blog do Raphael e da Mynda o "Sonhos da Alma" http://sonhosalma.blogspot.com.br/ , não conhecem ainda? Blog lindo, vale a pena visitar!
Bem, eles organizaram mais uma brincadeirinha com perguntas e respostas, e de quem eu convidar só participa quem quiser Ok? Agora o selinho quem visitar o meu blog e quiser, sinta-se à vontade para o levar. As regras são:
Dizer o que cada frase representa para si, no que ela lhe fala ao coração...responda com a sua alma...
São 10 frases, então divida com 5 amigos. Você pode convidar mais ou menos, você é quem decide.
FRASES:

1ª - “ O perdão é um catalisador que cria a ambiência necessária para uma nova partida, para um reinício”
  (Martin Luther King)
 . Para mim o perdão não deveria ser uma palavra fácil, noto que a maior parte das vezes em que as pessoas dizem ter perdoado, na realidade não o fizeram, apenas se esqueceram durante uns tempos do assunto . E isso para mim é um enorme retrocesso no processo evolutivo, porque para se conseguir seguir em frente tem de se saber perdoar, para que o nosso coração possa ficar em paz e tranquilo para poder prosseguir a sua jornada!
2º - “A alegria está na luta, na tentativa, no sofrimento envolvido e não na vitória propriamente dita”
  (Mahatma Ghandi)
. Esta frase para mim revela toda a esência da sabedoria, pois o resulatdo das nossas obras não é tão importante como o caminho que realizamos para as obter e o conhecimento que adquirimos dessa experiência.
 3ª - “As palavras verdadeiras não são agradáveis e as agradáveis não são verdadeiras”
  (Lao-Tsé)
. A verdade não pode servir para agradar, senão não teria nenhuma utilidade, a verdade deve servir para corrigir erros e para auxiliar os espirítos nas suas caminhadas sempre pelo caminho do bem.
4º - “Um amigo falso e maldoso é mais temível que um animal selvagem; o animal pode ferir o seu corpo, mas um amigo irá ferir a sua alma”
  (Buda)
. Na vida a falsidade e a maldade ferem sem dúvida muito mais, do que uma mordida de um animal. É que os danos no nosso corpo fisíco curam-se naturalmente, os danos inflingidos por um falso amigo no nosso corpo espiritual tem tendência a permanecer para sempre e só com muito amor e carinho são curados!
5º - “O homen superior atribui a culpa a si próprio; o homem comum aos outros”
  (Confúcio)
. Parece-me que poucas pessoas reconhecem a própria culpa, pois até chegar a este estado é necessário muita prática e um profundo conhecimento de si mesmo e na correria da vida diária, ninguém tem tempo para nada quanto mais para eles próprios, creio que seja esse o motivo de ser mais fácil atribuir a culpa aos outros.
6º - “Fico triste quando alguém me ofende, mas, com certeza, eu ficaria mais triste se fosse eu o ofensor... Magoar alguém é terrível!”
  (Francisco Cândido Xavier)
. Concordo com Chico Xavier, eu também prefiro que me magoem do que eu magoar alguém, não conseguiria ficar em paz comigo mesma. Diáriamente me esforço para que tal não aconteça, pois por vezes podemos magoar alguém sem intenção e sem nos apercebermos, é por isso que eu sou cuidadosa com as palavras!
7º- “Há pessoas que nos roubam...
Há pessoas que nos devolvem...!”
  (Padre Fábio de Melo)
. Sem dúvida que encontramos pessoas na vida que por ainda não terem evoluído nos roubam até todas as nossas energias, por sua vez para compensar, também encontramos almas tão puras e cheias de luz, que ficam em sintonia connosco e nos devolvem a harmonia. Adoro quando isso acontece!
8º - “O Verbo de Deus se torna sujeito em cada criatura humana”
   (Padre Fábio de Melo)
. Todas as criaturas possuem em si a Centelha Divina, e a prova de que Deus ainda não deixou de acreditar nos homens, são as crianças.
9º - “A pureza de coração é inseparável da simplicidade e da humildade; ela exclui todo pensamento de egoísmo e de orgulho: é por isso que Jesus toma a criança como símbolo dessa pureza, como a tomou por símbolo de humildade.”
  (Allan Kardec)
. Quanto a mim, a pureza de coração deve ser uma conduta diária, enraizada em nós mesmos, de tal modo que se converta numa virtude pura e constante.
10º - “Honrar o pai e a mãe não é somente respeitá-los, mas também assisti-los nas suas necessidades; proporcionar-lhes o repouso na velhice; cercá-los de solicitude, como eles fizeram por nós na infância.”
  (Allan Kardec)
. Questão difícil esta, bem antes de mais quero dizer que concordo com a frase de Allan Kardec, fazer pelos nossos pais e retribuir aquilo que eles fizeram por nós quando eramos pequenos, além de me parecer uma questão de bom senso, trata-se de um dever ético/moral que assiste aos filhos. Mas perdoem-me a ousadia e a pertinência,  para mim honrar os pais mesmo, é quando apesar de os pais nada terem feito pelos filhos em pequenos, os terem maltratado ou abandonado, esses filhos mesmo assim não retribuirem da mesma maneira. Apesar de tudo, acarinham esses pais e assistem-lhes na doença e na velhice. Existem pessoas nesta vida em que a sua infância foi normal, outras não, nem sequer tiveram infância. Mas creio que se isso aconteceu foi porque teve de ser um processo duro de aprendizagem, pelo qual tiveram de passar. Ser virtuoso e um verdadeiro Ser Humano é Honrar os Pais apesar de tudo, tratando-os com Amor e Compaixão, pois são eles a razão da nossa existência. Talvez seja esta a razão de eu escolher sempre o Interior e rejeitar o Exterior!

LISTA DE BLOGUES:
Blogueiros que Pensam
http://blogueirosquepensam.blogspot.pt/
Hospital Espiritual do Mundo
http://hospitalespiritualdomundo.blogspot.pt
Mistura de Afectos
http://misturadeafectos.blogspot.pt
Natureza de Lua Negra
http://naturezadeluanegra.blogspot.pt/
Nós os Cachorros no Japão
http://nososcachorros.blogspot.pt/

MUITA LUZ!

quarta-feira, 28 de março de 2012

CEREJEIRA


UM POUCO DE HISTÓRIA
Segundo vários historiadores a Cerejeira é originária da Ásia Central, sendo daí transportada há mais de mil anos para a Ásia Menor e daí então para a Europa. Tanto a árvore como as folhas de  cerejeira, são muito formosas.  As próprias flores são muito vistosas, rosadas, brancas e vermelhas. Antigamente utilizavam-se para serem enviadas como presente aos noivos no dia do casamento. As flores e os frutos da cerejeira eram muito celebrados pelo Povo Judeu.



Hoje em dia valorizam-se pela sua riqueza em viatminas A e C, que auxiliam no crescimento e como fonte de cálcio para os ossos.
Na Grécia e na Roménia, cultivou-se bastante uma variedade muito famosa de cerejas, de um vermelho amarelo carregado, que embora não fosse muito doce, segundo alguns botânicos era muito apreciada pelas suas propriedades medicinais. A Cerejera dos Alpes é a que actualmente existe em abundância, espalhada por Itália, França, Espanha e Portugal, principalmente nas regiões mais frias, a qual enxertada com famílias de outras espécies e harmonizadas com o germe, tem produzido as cerejas que temos hoje. Na Catalunha são muito apreciadas as cerejas de S.Clemente. Segundo relatos de viajantes chegados da Rússia à Europa, ali nos montes baixos dos Urais existe uma espécie muito apreciada de cerejas. No norte da Alemanha existe entre os amantes das frutas um culto pelas cerejas, onde existem mesmo cantos nacionais que veneram a cereja em extremo. Poetas têm cantado a beleza de um ramo de cerejas e a própria cerejera com os seus ramos pendentes de cores vermelhas vivas e amarelas. Na França também o doce de cereja é muito apreciado, recordando talvez o orador talentoso da Revolução Francesa, Robespierre, que nos seus delírios revolucionários não queriam comer nada mais do que tortas de cerejas, principalmente quando os seus acessos de clorose eram perigosos. Em todas as pastelarias vendem-se cerejas em doces, podendo servir de adorno a pratos doces ou em combinação com saladas e outras frutas.

As Cerejas e o Amor

Existe uma canção Italiana que diz:

Quando e di maggio
Le ciliege sono nere
Con che piacere
Oh! Che ben si fa l’amor!

Segundo a tradição e como nos diz esta bela canção os namorados campagnoli (camponeses) ofereciam cerejas maduras e colocavam-nas como brincos atrás das orelhas, o que lhes dava um ar romântico das antigas campinas romanas.

MUITA LUZ!

Fontes: Texto extraído de Cadernos Naturistas, da Autoria do Prof. Naturopata Nicola Capo. Imagens retiradas de pesquisa na net, desconheço os seus autores.




terça-feira, 27 de março de 2012

Mais um Selinho

Olá, mais uma brincadeira de selinho proposta pela Elaine do Blog: http://elaine-dedentroprafora.blogspot.pt/
Aqui vão as regras:
- Responder às 11 perguntas da Tag.
- Repassar para 11 blogues amigos, avisando-os de que foram nomeados.
- Não repassar a quem te passou a Tag e avisá-la quando publicar a mesma.

Então aqui vão as respostas:
1 - Porque criou o seu blog?
Porque me sentia incompleta, pois necessitava de um cantinho só meu onde pudesse estar sossegada a fazer aquilo que gosto e adoro fazer novas amizades.
2- Qual o seu filme preferido?
O Clube dos Poetas Mortos.
3- Qual o seu livro preferido?
Tem muitos, mas um é especial "O Meu Pé de Laranja Lima" de José Mauro de Vasconcelos, foi o primeiro livro que li na minha vida e marcou-me profundamente, adoro ler ainda hoje José Mauro.
4- Qual o seu País preferido?
Tibete, sem dúvida.
5- Tem algum Pet?
Bem tenho vários amigos cá em casa. O Pantufa das Fadas e o kitsie Tulpa, 2 coelhinhos. Tenho 3 tartarugas, a Madalena, a Margarida e a Shanti. Tenho um rouxinol o Myagi e um canário, o Gompa. 2 Carpas Koi, e três peixes de água quente, que vão resistindo e estão juntos com as carpas.
6- Qual o seu doce preferido?
Chocolate de qualquer maneira.
7- Gosta mais do Verão ou do Inverno?
Bem, eu prefiro o fim do Inverno e o começo do Verão pois não suporto nada bem o calor excessivo.
8- Gosta de se ver quando corta o cabelo e chega em casa e se olha no espelho?
Minhas amigas, devo de vos confessar que para mim este é um assunto muito delicado, porque sempre que resolvo cortar o cabelo, peço o corte que pretendo e explico mil vezes aquilo que quero, mas nunca sai como eu queria, cortam sempre demais rsrsrs.
9- O que mais adora?
Simplesmente viver e poder passar os meus conhecimentos aos outros.
10- O que mais detesta?
Cheiro de bolas de naftalina e gente fingida e desonesta.
11- Gosta mais do campo ou da cidade?
Ah, sem dúvida do campo, estou na cidade mas só até eu reunir as condições necessárias para ter a minha casinha no campo!

Agora a lista de blogues:
1 - http://misturadeafectos.blogspot.pt
2-http://acasinhaderenda.blogspot.pt
3- http://felisjunior.blogspot.pt
4- http://mundopontocruzecia.blogspot.pt
5- http://valesagradodekwanyin.blogspot.pt
6- http://sonhosalma.blogspot.pt
7-http://manualidadesenaoso.blogspot.pt
8- http://www.girassoismagicos.com.br
9- http://flordocampoatelier.blogspot.pt
10- http://escritoradeartes.blogspot.pt
11- http://crochedadodo.blogspot.pt

Muita Luz!

segunda-feira, 26 de março de 2012



Bons Amigos são Aqueles que nos Instruem na Fé,
Que se Empenham Connosco para Aprofundar a Busca da Felicidade,
E que Ainda Trabalham em Harmonia Connosco,
Para  o Avanço da Paz Mundial!

Muita Luz!


Fonte: Texto extraído de "Ensinamentos Budistas". Imagem retirada de pesquisa na net, desconheço o autor.

sábado, 24 de março de 2012

O OURO DOS GNOMOS


Dizem que os gnomos são os guardiões de muitos tesouros. Principalmente do enorme caldeirão de ouro que se encontra no fim do arco-íris. Vou-vos contar de seguida a história de Manuel, um menino que viu os gnomos procurarem um tesouro…
Manuel era um menino pobre, filho de uma costureira. A mãe de Manuel não parava de cozer, mas a sua chefe uma senhora muito antipática que se chamava Dona Eulália, pagava-lhe muito pouco. Margarida a mãe de Manuel estava a terminar um vestido de festa para uma das filhas de Dona Eulália.

- Ai, ai – suspirou enquanto cozia.
- Que se passa mamã? – perguntou Manuel.
- Nada filho, sinto a falta do teu pai, se ao menos ele aqui estivesse…
- Não te preocupes, ele um dia vai voltar. É o que tu sempre me dizes.
- Sim filho ele vai voltar – repetiu a mãe – mas há tanto tempo que partiu que já quase não me lembro de como ele é.

Foi nesse momento que Dona Eulália entrou muito aborrecida.
- Então esse vestido ainda não está acabado?

Margarida entregou-lho, depois de dar o último ponto e Dona Eulália olhou e voltou a olhá-lo, à procura de algum engano, mas o vestido estava tão bem feito que ela teve de se ir embora, ainda mais aborrecida.
- Porque está ela tão aborrecida? – perguntou o menino admirado.
- Meu filho, há pessoas que só estão bem com os outros e a criar confusão, e quando não lhes dás motivos … então zangam-se. A mãe abraçou-o e começou a chorar.
- O teu pai disse ela, está prisioneiro no castelo de uns piratas muito maus. Eles pedem um resgate em ouro pela sua vida e se não pagarmos nunca mais o veremos.
- Vamos ver então se a Dona Eulália e o marido nos podem ajudar.
- Meu filho, há uma coisa que nunca te contei. O teu pai e o Sr. Agostinho, o marido de Dona Eulália eram sócios. O teu pai trazia as mercadorias de países longínquos e eles ocupavam-se das vendas. Quando da última viagem, o teu pai não regressou disseram que tinham perdido muito dinheiro. Muito me ajudaram a dar-me trabalho, mas… bem, a verdade é que eles não nos vão ajudar.

Apesar do que a mãe lhe tinha dito, Manuel foi a casa de Dona Eulália e do Sr. Agostinho, mas estes receberam-no com maus modos.
- Dar-te dinheiro? Vai procurar o dinheiro dos gnomos…

Manuel voltou para casa triste e contou à mãe a resposta curiosa que o casal lha havia dado. Foi quando a mãe explicou ao filho que segundo a lenda, os gnomos guardam um caldeirão cheio de ouro no fim do arco-íris, mas isso não passava de uma história.
Nessa tarde caiu uma enorme chuvada e logo de seguida o sol despontou. Então formou-se um lindo arco-íris, Manuel ao vê-lo sentiu um aperto no coração.

“Pode ser apenas uma lenda – disse para si mesmo – mas é a minha única esperança.” Pegou numa pá e começou a caminhar para o local onde terminava o arco-íris. Andou e andou muito, mas cada vez que lhe parecia que tinha chegado, o arco-íris mudava de lugar. Seguiu-o durante horas a fio, até que teve de se dar por vencido. Atirou-se para o chão exausto e começou a soluçar, foi então que ouviu uma vozinha que lhe perguntou:
- Porque choras tu rapaz?
- Porque não consigo encontrar o fim do arco-íris – lamentou-se – é onde os gnomos guardam um caldeirão cheio de ouro e se eu o encontrasse poderia salvar o meu pai que está prisioneiro dos piratas.
- Mas então tu não sabes que os gnomos não existem? – perguntou a voz.
- Mas o meu pai sempre me disse que, se necessitares de algo e o pedires com muita fé, acaba por se tornar realidade. Por isso para mim os gnomos têm de existir!
- Sabes de uma coisa? Parece que afinal o teu pai tinha razão.

Manuel olhou na direção da vozinha e estupefacto viu um pequenino gnomo que lhe sorria no tronco de uma árvore.
- De qualquer maneira – disse o pequeno ser – não necessitas de ouro. E dizendo isto desapareceu.

Manuel pensou que deveria de ter sonhado, mas qual não foi a sua surpresa quando ao voltar a casa encontrou a mãe com um enorme sorriso.
- Manuel, meu filho olha quem chegou – disse afastando-se da porta para que ele pudesse ver o seu pai que lhe sorria feliz. Abraçaram-se os três muito felizes. Durante o jantar o pai de Manuel contou-lhes das aventuras, tinha percorrido muitos países e enviado muitos tesouros que haviam sido interceptados por Dona Eulália e o marido, é verdade tinha estado prisioneiro de uns piratas, mas tinha conseguido escapar graças à preciosa ajuda de uns amigos muito especiais…

- … e um deles contou-me que esteve a falar contigo, - disse piscando o olho ao filho – qualquer coisa sobre um caldeirão…
Nessa altura os olhos de Manuel brilharam, agora compreendia o verdadeiro ouro não era o que se encontrava no caldeirão, mas sim o amor que nos enche o coração!

MUITA LUZ!
fontes: Texto de Fernando Martínez, do livro A Lenda dos gnomos. Imagem retirada de pesquisa na net desconheço o autor.

sexta-feira, 23 de março de 2012

TARTARUGAS DE ORELHA VERMELHA - AS MINHAS MENINAS

Estas são as minhas meninas. a maior é a Madalena, a mais pequena é a Margarida, tem respectivamente 15 e 14 anos. Pertencem à espécie trachemys scripta elegans e são originárias dos EUA.
Esta é a Margarida, uma danadinha muito mexida e activa, mas preguiçosa para comer.

Esta é a Madalena, mais calma e reservada e muito comilona.

São as duas muito meiguinhas, adoram festas e grandes banhos com esfregas na carapaça muito demoradas. Adoram quando passo óleo de amêndoas doces nas suas carapaças depois do banho e eu adoro fazê-lo porque ficam lindas!
Atenção, só ponho óleo de amêndoas doces nas suas carapaças de inverno, para ajudar a hidratar, no verão nem pensar senão elas fritavam ao sol!
As minhas meninas adoram andar por casa no verão, no inverno elas têm um terrário enorme com um termóstato que mantém a água quentinha. Eu não as deixo ibernar, pois não estão na natureza nas suas condições normais, ficam mais letárgicas e comem menos, mas não ibernam. Não lhes dou carne, dou-lhes comida própria para tartarugas em sticks, (nada de camarões secos porque isso não alimenta) e vou alternando com pedaçinhos de salmão fresco que elas amam.
Elas pesam 2 kg e 2,200 kg estão de boa saúde, tive muitos problemas com fungos que elas tinham nas carapaças, mas começei a adicionar sal grosso à água do terrário no inverno (cerca de 1 colher de café por cada 5 litros de água) e começaram a melhorar, depois como no verão apanham bastante sol os fungos desapareceram por completo, sem ser necessário nenhum tratamento, só foi preciso muita paciência e vigilância.
Em Portugal a venda desta espécie está proibida actualmente, pois na década de 90 eram bastante comercializadas e como alguns donos destas tartarugas resolveram largá-las por aí, o resultado foi um desequilíbrio no habitat de outros quelônios, que ficaram ameaçados e em vias de extinção. Isto porque as tartarugas de orelhas vermelhas possuem uma capacidade de adaptação extraordinária e reproduzem-se em grandes quantidades.
As M&Ms como lhes chamamos, Madalena e Margarida vão estar sempre conosco, fazem parte da família. Há dois anos a minha filha mais nova trouxe uma outra tartaruguinha para casa, não tinha onde ficar, era muito bebé chama-se shanti, depois coloco aqui fotos dela, é um docinho de menina.
Espero que tenham gostado das minhas M&Ms.

MUITA LUZ!

quarta-feira, 21 de março de 2012

EQUINÓCIO DA PRIMAVERA - FELIZ OSTARA

Imagem oferecida pela minha amiga Lua

Equinócio é uma palavra de origem latina e que significa "noite igual ao dia". Em 2012 o Equinócio da Primavera ocorreu no dia 20 de Março, às 5h e 14m aqui no hemisfério norte. Como podem ver estou com um dia de atraso, mas mesmo assim não quis deixar de desejar a todos um

FELIZ OSTARA
E QUE A DEUSA VOS ABENÇOE

"Vai-te ao longo da Costa discorrendo,
E outra Terra acharás de mais verdade,
Lá Quase junto donde o Sol ardendo,
Iguala o Dia e Noite em quantidade."
Lus., II,63

MUITA LUZ!

domingo, 18 de março de 2012

BONSAIS - ULMEIRO CHINÊS


Este é o meu Ulmeiro tem 18 anos e já está a recuperar da praga de aranhiço felizmente.

Ulmus Parvifolia - Ulmeiro Chinês
Esta espécie pertence à família das Ulmáceas e é originária da China, Japão e da Coreia. Por vezes também é conhecida como Zelcova Chinesa. É uma árvore de folhagem semicaduca ou caduca, apresentando folhas pequenas. É uma árvore muito interessante como bonsai pois tem uma ramificação fina, sendo de fácil modelação e a sua casca com o avançar da idade cria uma espécie de escamas no seu tronco.

Como localização, o Ulmeiro geralmente gosta de estar no exterior, no entanto suporta muito bem viver no interior, como é o caso do meu Ulmeiro, desde que esteja exposto à luz e ao Sol, sem que exista climatizações por perto. No meu caso, eu como a minha varanda é virada a Sul, criei uma espécie de meia sombra com canas de bambú que o deixam apanhar sol, mas sem ser em demasia.
Quanto à rega, depende muito e requer uma atenção constante e permanente, no entanto o nascer das “folhas novas” o consumo de água é maior, tornando-se mais moderado com o “amadurecer” das folhas.

No que diz respeito à nutrição, regra geral começa-se em Fevereiro e vai até Outubro, no entanto devido às alterações que se tem verificado no clima, eu este ano comecei a aplicar MicroBonsai em meados de Janeiro e como podem ver pela foto, parece que não fiz asneira, pois o meu ulmeiro apesar de ter apanhado uma praga de aranhiço está resistente e de boa saúde.


Podas: Este tipo de árvore responde muito bem a podas drásticas, devendo no entanto estas ser feitas no final do Inverno, ou no Verão depois de se ter feito uma defoliação. Como poda de manutenção deve de deixar crescer mais ou menos 7 a 8 folhas novas e depois cortar pela primeira.
O Transplante deve de ser efectuado com cuidado em finais de Janeiro depois das geadas, ou então antes de ele iniciar a brotação sempre tendo o cuidado de ao transplantar fazer uma poda forte ou uma defoliação total. Pode ser aramada durante todo o ano.

MUITA LUZ!

sábado, 17 de março de 2012

INDIFERENÇA


Não sinto nada de diferente

Não tenho em mim nenhum valor, além do sentimento

Que me queima ardente

De querer matar uma saudade.

Saudade do vento,

Da Lua, do Sol,

Da Chuva, do Rouxinol.

Arde-me nos olhos as lágrimas de gelo que me ferem a face,

O Calor derrete-as mas o meu pensamento congela-as

Para sempre e nunca mais voltarem a cair dos meus olhos.

Não sinto nada além de uma enorme vontade de sair daqui

Para, aqui voltar.

Sinto que nada disto é o fim, mas sim o começo

De uma longa história, em que a minha memória ganha

A vida que pedi e que mereço!
       MIA PÚRPURA


MUITA LUZ!
Imagem retirada de pesquisa na net desconheço o autor.

quinta-feira, 15 de março de 2012


PINTURA DE NATASHA VILLONE



"Nem Jesus Cristo, quando veio à Terra, se propôs resolver o problema particular de alguém. Ele se limitou a nos ensinar o caminho, que necessitamos palmilhar por nós mesmos."

 Chico Xavier

Muita Luz!

GREENPEACE - THE RAMIN PAPER TRAIL



Um ano de intensa investigação "undercover" revelou o que mais se temia, a terceira maior produtora de papel do mundo a APP Asia Pulp and Paper, está envolvida numa grave violação das leis da Indonésia, as quais incluem a protecção de Ramin, uma espécie de árvores protegidas internacionalmente.  Com a agravante de estas árvores fazerem parte do "Peat Swamp Forest" habitat natural do Tigre de Sumatra. Desde 2001 pelo menos 180,000 hectares de "peat swamp forest" foram desflorestados, o que equivale a uma área duas vezes o tamanho da cidade de Nova York e que agora se encontram concessionados e controlados pela APP.
Será que alguém se questiona o que é que vai acontecer aos últimos e únicos 400 tigres de Sumatra ainda existentes, e cujo habitat está a ser selváticamente destruído?
Você e eu podemos ajudar, acesse o link e assine a petição na Greenpeace para ajudar a parar mais esta calamidade que se está a cometer contra o nosso planeta e os animais.
http://www.greenpeace.org/international/en/news/Blogs/makingwaves/asia-pulp-paper-in-illegal-rainforest-scandal/blog/39286/

Todos juntos por uma causa podemos fazer a diferença! Obrigada.

Muita Luz!

quarta-feira, 14 de março de 2012

The Fairy Princess Jasmine Fine Art Print - Painting By Johanna Girard
PRINCESA ALADA

No meio da tarde
De uma floresta encantada
Entre margaridas singelas
E fadas rosadas
Se encontra uma pequena
Princesa alada.

Ela é tão pequena que toma chá na ponta do pé
A mesinha do bule um cogumelo é.
Suas flores, suas amigas
No seu coração um amor de doer...
Cansada de partidas
Bebe o chá para esquecer.

Leve e delicada...
Uma fada apaixonada.
Rega as flores todo o dia
Para afastar a melancolia...
Espera um amor de verdade
Que voe com ela
E mate a saudade.

E numa tarde ensolarada
Do meio do nada
Surge um moreno de barba cerrada.
Lhe fita nos olhos
Lhe rouba um beijo
E não diz mais nada.

Assim no crepúsculo do fim dessa tarde
De mãos dadas pelo ar
Eles somem nas nuvens
E se deixam amar.

       Carolina Salcides

MUITA LUZ!

Vale a pena visitar e ver as obras desta pintora.

segunda-feira, 12 de março de 2012

GALVEIAS - JOSÉ LUÍS PEIXOTO

Sou Alentejana nasci em Galveias, Distrito de Portalegre, terra para mim muito querida não só pelos tempos maravilhosos que lá passei, mas também pelo carisma e pela maneira peculiar com que a vida lá sempre se desenrolava. Todos se conheciam lá na terra, como aliás em todas as terras, mas nas Galveias era diferente. O cheiro que se sentia no ar assim que passávamos o "Senhor das Almas" era inconfundível, eu e a minha irmã sentavamo-nos logo muito direitinhas no banco de trás do carro à espera de ver a placa a dizer "Galveias". Passando o jardim nós espreitávamos logo para o cimo da rua à procura da minha Tia Joaninha, que estava sempre ao cimo da rua no seu Talho. Era só o meu pai parar o carro em frente ao talho que nós as duas saíamos a correr disparadas, abraçavamos a minha Tia Joaninha, e íamos dar um grande beijinho à Maria Velez (Badeca), que estava sempre sentada em frente à porta da minha tia, daí era uma correria até à casa da minha Avó Rosária, onde faziámos uma festa só de ver a nossa querida Avó! Eu e a minha irmã nessa altura entreolhávamo-nos como que para termos a certeza de que as férias tinham começado!

É daqui que eu tenho a honra de conhecer um grande escritor cheio de contrastes e de histórias e de memórias umas passadas, outras por vir chamado José Luís Peixoto. Lembro-me do José Luís bem pequenino e traquinas, sempre muito vivo e a correr. Lembro-me da minha Avó Rosária lhe dar uma maçã e de ele estar escondido atrás da saia da sua mãe, e a minha Avó lhe perguntar: Então agora já gostas da Ti Rosária? Não respondeu ele, agora gosto é da maçã!

Vale a pena ler José Luís Peixoto, não importa que livro dele você escolha, porque vai passar a fazer parte de um mundo rico, simples e cheio de personagens únicas, muitas das quais eu sinto que conheço de toda uma vida.
Mas este mês de Março não perca a Revista A Volta ao Mundo.
José Luís Peixoto escreveu toda a revista à laia de um livro do princípio ao fim, como destino Miami, Pequim e Moscovo, além de outros destinos já antes visitados por José Luís. O Autor brinda-nos ainda com nove poemas inéditos. Além de nos levar a passear por este mundo fora, passeamos ao som das suas palavras sempre tão sublimes e tão simples como um Bom Dia em Alentejano!

MUITA LUZ!

Imagem retirada de pesquisa na net, desconheço o autor

domingo, 11 de março de 2012

O SAGRADO


Não enchas a Taça até transbordar,
É melhor que te detenhas antes.

Se Afiares demasiado uma lâmina,
Ela não durará muito tempo.

Se Armazanares ouro em tua casa,
Não conseguirás defendê-lo.

Se Te vangloriares de riquezas e honrarias,
Atrais sobre ti o infortúnio.

Quando o trabalho está terminado,
Retira-te.

Esta é a Lei do céu.

MUITA LUZ!

Fonte: Tao Te Ching de Lao Tzu

quinta-feira, 8 de março de 2012

DIA 8 DE MARÇO - DIA INTERNACIONAL DA MULHER

Desejo a todas um Feliz Dia da Mulher!

Um pouco de história.
Em 1857, as operárias têxteis de uma fábrica de Nova Iorque entraram em greve, ocuparam a fábrica e reivindicaram a redução de um horário de mais de 16 horas por dia, para 10 horas. Estas operárias que, nas suas 16 horas recebiam menos de um terço do salário dos homens, foram fechadas na fábrica onde entretanto se tinha declarado um incêndio. Resultado, cerca de 130 mulheres morreram queimadas. Em 1910, numa conferência internacional realizada na Dinamarca foi decidido, em homenagem àquelas mulheres, comemorar o Dia 8 de Março como o "Dia Internacional da Mulher".

Muita Luz!

Imagem retirada de pesquisa na net, desconheço o autor.

quarta-feira, 7 de março de 2012

INAUGURAÇÃO DA LOJA - RENATA BRAZIL LINGERIE

Olá amigas, venho vos convidar para estarem presentes na inauguração da Lojinha da minha amiga do peito Renata, na 2ª Feira dia 12 de Março, a partir das 10 horas da manhã. A loja fica no Centro Comercial Chiado, na Rua da Misericórdia nº 14 - Loja 60 em Lisboa. Ela está a preparar tudo com muito carinho e eu dou uma ajudinha e uma forçinha para que a sua lojinha seja um grande Sucesso. A minha amiga Renata é a única representante em Portugal da Lingerie Marca UB Brazil. Tem peças de lingerie lindas e muito especiais, e a preços acessíveis. A loja vai estar aberta normalmente das 10:00 horas Às 20:00 horas. Já tem a nova colecção de lingerie e novos Bikinis espectaculares.
Visite a loja, ou visite o seu site em http://www.renatabrazil.com/
Pode fazer a sua encomenda na net, por mail ou por telefone, que maravilha, não é?
Aceite este meu convite e visite a minha querida amiga Renata, que está aqui em lisboa a batalhar pela vida com muita coragem, ela é muito bom astral.
Depois de ver a sua lingerie, vai ver que valeu a pena!

Muita Luz!

terça-feira, 6 de março de 2012

ALIMENTOS GERMINADOS – ALIMENTAÇÃO VIVA!

Alimentos germinados, são nada mais nada menos que os brotos ou rebentos obtidos através da germinação de sementes de cereais, oleaginosas, leguminosas ou mesmo de legumes. Lembra-se daquela experiência que faziamos na escola primária em que tinhamos de germinar um feijão? Pois é disso mesmo que estou a falar. A germinação é algo de extraordinário e poderoso, pois liberta todas as energias latentes contidas nas sementes, dando origem a uma planta. Durante todo este processo, o amido vai ser transformado em açucares mais simples pelas enzimas, ao passo que as proteínas são decompostas em aminoácidos. Dá-se a absorção de grandes quantidades de água, vitaminas e enzimas são sintetizadas e dá-se uma mobilização de minerais.
Tudo isto, aminoácidos, proteínas, ainda não lhe dizem nada? Então continue a ler.

Vou passar a explicar toda a riqueza nutricional de alguns alimentos germinados a título de exemplo:
- No Trigo germinado, a vitamina C aumenta 600% nos primeiros dias da germinação, ao passo que a vitamina E triplica em quatro dias.
- A Soja germinada, duplica o seu teor de provitamina A em 48 horas e atinge os 280% em 54 horas.
- Na sementes de alfafa germinada, couve, lentilhas, grão-de-bico, rábano ou feijão mongo, encontramos vitaminas do grupo B.
- Nas sementes germinadas de arroz, girassol, alfafa, centeio, trigo ou aveia encontramos também      vitamina A.
Convém referir que este tipo de alimentos constitui ainda uma das fontes raras de vitamina B12 de vegetais, tornando-se assim um poderoso aliado dos vegetarianos. Possuem ainda minerais orgânicos fácilmente assimiláveis, como é o caso do cálcio, nos germinados de sementes de girassol e de grão-de-bico. O potássio nas sementes germinadas de sésamo e de feijão mungo. Ou o ferro na alfafa e no feno grego. De salientar a extrema mais valia de os germinados não possuirem colestrol, nem praticamente gorduras saturadas. Outro elemento muito importante nos germinados é a clorofila. Possuem deste modo um elevado valor nutritivo e um baixo teor calórico.

PARA GERMINAR:

É muito simples e fácil.
1º- Colocar de molho as sementes no mínimo 12 horas.
2º - Passar as sementes por água, até que esta esteja limpa.
3º - Colocar as sementes pode ser num frasco de vidro de boca larga, onde coloca um pedaço de naylon (eu compro uma meia de vidro , corto ao meio e é o que uso) na boca do frasco e prende com um elástico. Deixa-se inclinado no lava louças, para escorrer.
4º - Tapa-se com um pano o frasco para que fique isolado da luz directa.
As sementes devem de ser passadas pelo menos duas vezes por dia por água, sendo muito importante que o frasco fique inclinado para que a água escorra, mas para que também haja circulação de ar dentro do próprio frasco. Geralmente a temperatura dentro das nossas cozinhas é boa para germinar, de qualquer modo a temperatura para a maior parte das sementes é entre 20 e 28ºC.


COMO SABER QUANDO AS SEMENTES ESTÃO GERMINADAS:

Os rebentos estão prontos a serem consumidos quando tiverem poucos centimetros de comprimento. Regra geral as sementes demoram em média cerca de 4 a 10 dias, mas depende das sementes e das condições em que o faz, eu mais ou menos guio-me pelo tamanho dos rebentos. 
Existem outros métodos para além deste que eu utilizo, (e que para mim é o mais prático) para germinar sementes, disponíveis no mercado como, o método dos tabuleiros de plástico, cerâmica, madeira e bambu. Neste método os tabuleiros são sobrepostos e perfurados de modo a permitirem a passagem da água de um nível para o outro e a permitirem uma correcta ventilação. Este método apresenta a vantagem de poder germinar vários tipos de sementes ao mesmo tempo. Existe ainda um método mais antigo em que se usa um saco de linho para germinar, em que se deixa a boca do saco aberta e se coloca a escorrer.

Foto de António Lino retirada de: http://apanat.org.br/blog/?p=32
Este é o método dos tabuleiros sobrepostos.

COMO CONSUMIR OS SEUS GERMINADOS:

Podem ser consumidos em saladas crus, ou podem ser consumidos em molhos ou pastas. Mas de preferência utilize-os em guisados, cozidos ou em sopas.
Tenha em atenção que os germinados de grão-de-bico e de feijão só devem de ser consumidos após terem sido cozinhados, de modo a eliminar possíveis agentes patogénicos que possam estar presentes nos brotos.
Depois de serem colhidos, conserve-os no frigirífico para se manterem mais frescos. Um factor muito importante é o facto de durante todo este processo e até serem consumidos, os alimentos germinados não perdem as suas preciosas propriedades, o mesmo já não se pode dizer dos vegetais que ao serem cortados e colhidos começam logo a perder os seus nutrientes.

Aconselho a leitura de:


Actualmente o ritmo do nosso quotidiano não nos permite que nos alimentemos da melhor forma, ao mesmo tempo que a qualidade dos alimentos que ingerimos nem sempre é a melhor, por isso aproveite o valor nutritivo das sementes que temos à mão e
GERMINE, PELA SUA SAÚDE!

MUITA LUZ!

Fontes:
Texto retirado de: Revista Sentidos (publicação Celeiro Dieta/2008), artigo "Benefícios dos alimentos germinados".
As fotos que não estão identificadas, foram retiradas de pesquisa na net, desconheço os seus autores.


segunda-feira, 5 de março de 2012

AVES DE PORTUGAL

MELRO-DAS-ROCHAS Monticola saxatilis
É uma ave da Ordem Passeiformes, Família Turdidae e a sua espécie é: Monticola Saxatilis (Linnaeus 1766), a fêmea possui cor acastanhada e apresenta malhas na plumagem, possuindo a cauda alaranjada. O macho possui cabeça e dorso azuis e a cauda e o ventre alaranjados, com uma característica mancha branca no dorso. É uma espécie caracteristica de zonas montanhosas, pois pousa geralmente em sítios altos como o topo de grandes rochas.  
Foto de Joaquim Antunes publicada em Aves de Portugal
http://www.avesdeportugal.info/monsax.html

É uma ave pouco comum e com uma distribuição localizada, nidifica apenas nas zonas de maior altitude das serras do Norte e do Centro de Portugal. É uma espécie Monotípica, não sendo por isso reconhecidas subespécies. É uma espécie estival, que chega geralmente em Abril e parte em Setembro.


MELRO-AZUL Monticola solitarius

Esta ave pertence à Ordem Passeiformes, à Família Muscicapidae e a sua espécie é: Monticola solitarius (Linnaeus 1758). É um guardião solitário de uma fraga ou de um velho castelo, o melro-azul faz-se muitas vezes notar pelo seu canto assobiado. É um passeriforme de tamanho médio, um pouco mais pequeno que o Melro-preto. O macho é facilmente identificável pela sua cor azul, que é particularmente intensa durante a época de reprodução e um pouco mais mortiça no Inverno. As asas são mais escuras e são frequentemente mantidas em posição “descaída”. A fêmea é acinzentada e os juvenis apresentam frequentemente manchas no peito. Muitas das vezes pode ser confundido com o Melro-das-rochas, mas este último tem a cauda e o peito cor-de-fogo. O melro-azul é residente em Portugal e pode ser observado no nosso país durante todo o ano. É geralmente uma ave solitária. Distribui-se de norte a sul do país mas a sua distribuição é bastante fragmentada e a espécie não pode ser considerada comum em nenhuma zona do território. No entanto, apresenta um grande sedentarismo e permanece durante todo o ano junto aos seus locais de reprodução.





MELRO-PRETO Turdus merula

Esta ave pertence à Ordem Passeiformes, à Família Turdidae e s sua espécie é: Turdus merula. O Melro-preto é uma das espécies mais reconhecidas, tornando-se notória a sua presença em zonas verdes das principais localidades do nosso território. Nos machos, a coloração geral é preta, bico alaranjado e auréola amarelada em torno do olho. Tanto no macho como na fêmea, as patas são compridas e a cauda também. O padrão geral das fêmeas e dos juvenis é acastanhado com algumas riscas ténues. Localmente abundante, o melro-preto é das espécies mais bem distribuídas pelo nosso território, ocorrendo numa variedade enorme de habitats, desde bosques e florestas, a zonas de pastagens com sebes, parques e jardins urbanos, matos densos e também galerias rípicolas. Está presente no país durante todo o ano.

Melro-d'Água Cinclus cinclus
Foto retirada de http://naturlink.sapo.pt/Natureza-e-Ambiente/Fauna-e-Flora/content/O-Guerreiro-da-agua?bl=1&viewall=true

Esta ave pertence à Ordem Passeiformes, à Família Turdidae e s sua espécie é: Cinclus cinclus. Esta ave é pequena e rechonchuda, com a cauda curta. A sua plumagem é predominantemente castanha, saltando à vista, a enorme mancha branca no peito. É o único passeriforme que mergulha. O seu voo é rápido e directo, como uma seta. O melro-d’água distribui-se principalmente pelas terras altas do norte, como a Serra da Peneda, na Serra do Grês, na Serra de Montesinho ou Serra da Nogueira. E no centro como, a Serra da Lousã ou no Rio Paiva na Zona de Castelo de Paiva. podendo ser visto na maioria das serras portuguesas. É uma espécie residente, que pode ser observada nos locais de reprodução durante todo o ano. http://www.avesdeportugal.info/cincin.html 
MELRO-DE-PEITO-BRANCO Turdus torquatus


Esta ave pertence à Ordem Passeiformes, à Familia turdidae, a sua espécie é: Turdus torquatus e é proveniente das terras altas e frias. Proporciona uma visão inesperada quando supreendido a comer bagas nos zimbrais do nosso território. É identico ao Melro-preto, diferenciando-se sobretudo pela distinta marca branca no peito em forma de crescente lunar. A intensidade da cor desta marca varia conforme o sexo e idade da ave, sendo mais nítida nos machos adultos, e mais pálida nas fêmeas e aves jovens. As asas dos exemplares desta espécie são um pouco mais pálidas que as do Melro-preto, sendo esta característica mais notada quando se encontra em voo. O Melro-de-peito-branco é sobretudo um migrador de passagem raro, ocorrendo também localmente como  invernante, de distribuição bastante localizada. É mais frequente em determinadas zonas do Litoral, como no Topo da Serra da Arrábida, nas Falésias junto ao Cabo da Roca ou no “Castelo” da Peninha na serra de Sintra. E nas Terras Altas no Interior, como nas zonas mais altas da Serra da Estrela e alguns registos nas Portas de Ródão. Pode ser observado no nosso território entre Outubro e Abril.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...